Qual a função do Mestinon?

Índice

Qual a função do Mestinon?

Qual a função do Mestinon?

Mestinon® é indicado para o tratamento de doenças que afetam os músculos. Estas doenças, no entanto, são muito especiais (específicas) e só podem ser tratadas por um médico. Portanto não faça uso deste medicamento sem prescrição médica e, pelas mesmas razões, não o indique a outras pessoas.

Como funciona o Mestinon?

O brometo de piridostigmina antagoniza a ação dos miorrelaxantes não despolarizantes do tipo curare; A atropina anula os efeitos colinérgicos da piridostigmina, especialmente a bradicardia e a hipersecreção.

Para que serve piridostigmina?

Pode ser usado nos casos de doença de Little, esclerose múltipla e na esclerose lateral amiotrófica, mioatrofias espinhais e paresias consecutivas à poliomielite. Também pode ser usado na prevenção dos distúrbios pós-punção lombar e do meningismo pós-eletroencefalografia.

Quais os efeitos colaterais do Mestinon?

Reações adversas e efeitos colaterais do Mestinon Os efeitos secundários do tipo muscarínico podem traduzir-se por náuseas, vômitos, diarreia, cólicas abdominais, aumento do peristaltismo e das secreções brônquicas, hipersalivação e ainda bradicardia e miose (diminuição do diâmetro da pupila).

Qual o mecanismo de ação do mestinon?

Mecanismos de ação A Piridostigmina age inibindo a degradação da Acetilcolina (ACh) pela colinesterase na fenda sináptica a partir do bloqueio competitivo da enzima Acetilcolinesterase (AChE).

O que significa Piridostigmina?

Definição. O Brometo de Piridostigmina é um fármaco parassimpatomimético inibidor da colinesterase. Apresenta um lento início de ação embora sua duração seja relativamente longa. O efeito apresenta caráter uniforme e promove uma diminuição progressiva do efeito colinérgico.

Postagens relacionadas: