Para que servem os fitoterápicos?

Índice

Para que servem os fitoterápicos?

Para que servem os fitoterápicos?

O que são remédios fitoterápicos? Esses medicamentos são obtidos através da utilização exclusiva de matérias-primas ativas vegetais. Na fitoterapia são utilizados os princípios ativos de algumas plantas medicinais para o tratamento ou a prevenção de enfermidades.

Como utilizar a fitoterapia?

A fitoterapia utiliza-se das diversas partes das plantas, como raízes, cascas, folhas, frutos e sementes, de acordo com a erva em questão. Há também diferentes formas de preparação destas plantas, sendo o chá a mais utilizada, preparado por meio da decocção ou infusão.

Como funcionam os fitoterápicos?

  • Já os remédios fabricados a partir de plantas medicinais têm como base apenas o extrato do vegetal, que contem milhares de substâncias naturais. Assim como acontece com os medicamentos comuns, alguns fitoterápicos exigem receita médica, dependendo da finalidade e da doença a ser tratada.

Como agem os medicamentos fitoterápicos?

  • Como agem os medicamentos fitoterápicos? Ainda existem muitas dúvidas quanto à eficácia e uso das plantas medicinais e fitoterápicos. A ação de cada medicamento irá depender da sua substância ativa, do organismo de cada paciente, da enfermidade em si e da dose de remédio administrada.

Qual a diferença entre os medicamentos fitoterápicos e medicamentos convencionais?

  • A possível descrença de que os medicamentos fitoterápicos tenham o mesmo tempo de resposta dos medicamentos convencionais, é que esse último apresenta concentrações de princípios ativos, normalmente, maiores que as dos fitoterápicos. Ou seja, ambos os medicamentos são eficazes, mas é preciso consultar um médico e ver a necessidade de cada quadro.

Por que os fitoterápicos não precisam de prescrição?

  • Os que tratam doenças mais simples, como os anti-inflamatórios, por exemplo, não necessitam de prescrição. Apesar da base dos medicamentos fitoterápicos serem as plantas medicinais, um é completamente diferente do outro. Isso porque as plantas em si, sozinhas, são apenas a matéria prima, a base para o medicamento.

Postagens relacionadas: