Qual o objetivo da terapia nutricional enteral?

Índice

Qual o objetivo da terapia nutricional enteral?

Qual o objetivo da terapia nutricional enteral?

Nutrição enteral é o nome que se dá a um tipo de tratamento destinado a indivíduos que não podem ou não conseguem se alimentar totalmente pela boca, a despeito de contarem com a integridade do aparelho digestivo. Assim, esses pacientes recebem a alimentação por meio de um tubo ou sonda flexível.

Qual a importância da nutrição enteral?

A nutrição enteral serve justamente para suprir nutrientes em quem não pode se alimentar da forma tradicional, seja em ambiente hospitalar ou em casa. Trata-se de uma dieta líquida, que pode ser administrada por meio de sonda posicionada no intestino ou estômago.

Quais são as duas indicações básicas para a terapia nutricional enteral?

A indicação de nutrição enteral (NE) deve estar associada ao funcionamento do trato gastrointestinal (TGI) + ingestão via oral (IVO) insuficiente + grau de desnutrição/ catabolismo/percentual de perda de peso e presença de disfagia. Em geral, deve ser indicada para indivíduos com IVO

Quais são as indicações para nutrição enteral em adultos?

Indicações para nutrição enteral em adultos

  • AVC.
  • Doenças Desmielinizantes.
  • Anorexia Nervosa.
  • Neoplasia de esôfago.
  • Perfuração Traumática de esôfago.
  • Doenças inflamatórias intestinais.
  • Síndrome do intestino curto.
  • Fístulas Digestivas.

Qual a importância da nutrição parenteral?

A nutrição parenteral possui grande importância para garantir o aporte de nutrientes em pacientes que não podem utilizar outras vias de alimentação. Porém sua utilização requer cuidados especiais e os hospitais devem ter estrutura e equipe para sua aplicação.

Qual a importância da nutrição nos pacientes críticos?

Uma estratégia nutricional adequada tem relação direta com melhores resultados no tratamento de pacientes clínicos ou cirúrgicos, enquanto uma terapia nutricional insuficiente ou inapropriada pode significar mais tempo de internação e maior incidência de complicações, como infecções.

Como funciona o conector de sonda enteral?

  • Os equipos de dieta enteral têm um conector escalonado, para ser somente ser adaptável em sondas enterais ou gástricas, não podendo ser instalada em vias endovenosas. O conector escalonado se adapta conforme o diâmetro do conector da sonda, assim evitando vazamentos indevidos.

Qual a diferença entre a sonda e o intestino?

  • É uma sonda colocada desde o nariz até ao intestino, que pode ser colocada até ao duodeno ou jejuno. É mais fácil de movimentar; é melhor tolerada; diminui a possibilidade de que a sonda fique obstruída e provoca menos distensão gástrica.

Por que a sonda é mais fácil de movimentar?

  • É mais fácil de movimentar; é melhor tolerada; diminui a possibilidade de que a sonda fique obstruída e provoca menos distensão gástrica. Diminui a ação dos sucos gástricos; apresenta risco de perfuração intestinal; limita a seleção das fórmulas e dos esquemas de alimentação.

Qual a função da sonda de alimentação?

  • Tem como função apenas a alimentação do paciente, sendo de escolha no caso de pacientes que receberam alimentação via sonda por tempo indeterminado e prolongado. Por isso, esta sonda só permanece aberta durante o tempo de infusão da alimentação.

Postagens relacionadas: