Para que serve o teste do desenho do relógio?

Índice

Para que serve o teste do desenho do relógio?

Para que serve o teste do desenho do relógio?

Os testes do desenho do relógio (TDR) e de fluência verbal (FV) são de simples aplicação e amplamente utilizados em avaliações neuropsicológicas que procuram investigar síndromes demenciais em idosos. O diagnóstico da doença de Alzheimer é clínico, mas os testes cognitivos são de grande auxílio durante a anamnese.

Como é o teste do desenho do relógio?

O Teste do Desenho do Relógio é um instrumento simples e de fácil aplicação. Pode ser executado de maneira rápida e objetiva. O examinador solicita verbalmente ao paciente que desenhe um relógio numerado de 1 a 12 numa folha de papel em branco. Em seguida, pede que desenhe os ponteiros indicando um determinado horário.

Para que serve o teste de fluência verbal?

Testes de fluência verbal são medidas sensíveis a diferentes funções neuropsicológicas usadas na avaliação da integridade dos lobos frontal e temporal.

Como se analisa o teste do relógio?

  • Como se analisa o teste do desenho do relógio? Como já afirmamos, há muitas maneiras de analisar esse teste. Normalmente observa-se a esfera, a ordem de colocação dos números, a orientação, se estão dentro ou fora da esfera, se estão apenas de um lado ou se há excesso de numeração.

Como realizar o teste de desenho do relógio?

  • A realização do teste de desenho do relógio é uma maneira de identificar pessoas que podem estar apresentando sinais precoces de demência, como diminuição do funcionamento executivo, mas que podem ainda não estar exibindo distúrbios da memória.

Como Desenhar um relógio?

  • Desenhar um relógio. É tão simples que parece inacreditável que seja um dos exames mais conclusivos na hora de detectar transtornos cognitivos como o Parkinson ou o Alzheimer. Em primeiro lugar, é preciso compreender o que se pede: “desenhe um relógio que marque tal horário”.

Como funciona o teste do desenho do relógio no diagnóstico de Alzheimer?

  • Teste do Desenho do Relógio no diagnóstico de Alzheimer. O teste do Desenho do Relógio (TDR) pode funcionar como um “teste de triagem” para o início de uma investigação sobre doença neuro-degenerativa. Atualmente, este teste é o segundo mais utilizado para o rastreio de demências.

Postagens relacionadas: